Robusto e seguro: STEINERT XTS classifica pedras preciosas e diamantes

Pedras especiais como os diamantes exigem design especial: o STEINERT XTS

O sistema de classificação por raios X STEINERT XTS é utilizado na classificação por densidade seca na menor faixa de granulometria da partícula. Esse equipamento baseia-se em nosso comprovado sistema de triagem STEINERT XSS® T, mas oferece modificações especiais, adaptadas particularmente para a classificação de materiais valiosos, como os diamantes. Em um procedimento transmissível, as diferenças relacionadas à absorção de raios X de cada material são detectadas, avaliadas e usadas na classificação por classes de densidade.

O grau de absorção dos raios X depende tanto da consistência e da espessura ou do caminho irradiado de um objeto. Quanto maior for a massa atômica e mais espessa a parte do material triada, maior será a radiação absorvida. Para compensar a influência da espessura do objeto, a absorção do material a ser classificado é medida em dois níveis de energia diferentes. No procedimento Dual Energy, é usado um software para determinar a absorção específica do material e, assim, deduzir a sua densidade. Ao passar pelos objetos, a radiação permite concluir a densidade média de um objeto, além de identificar as inclusões em rochas ou materiais compostos. A vantagem principal da transmissão de raios X é que esse tipo de detecção torna o sistema insensível à contaminação superficial e possibilita a detecção de inclusões. A radiação que passa pelo objeto permite concluir a sua densidade média e, consequentemente, a distinção entre pedras, como diamantes de kimberlito ou sedimentos aluviais.

Através de um transportador vibratório o material a ser classificado chega a uma correia transportadora que equaliza o fluxo de alimentação na direção de fornecimento e, assim, direciona para a separação de materiais. O material de alimentação é transportado em repouso através da área de varredura do scanner, abaixo da qual a fonte de raios X é posicionada, radiando uma área pequena da esteira. A proporção de radiação não absorvida pelo material é medida por detectores através da trajetória de feixes emitidos acima da esteira transportadora. Pela diferença entre a radiação inicial e a medida, torna possível que as diferenças de densidade entre ou dentro de objetos individuais sejam visíveis. A seguir, é realizada a classificação de cada objeto segundo os critérios relacionados à aplicação. Caso seja decidido classificá-lo, o objeto em questão é desviado da parábola de descarga por um impulso de ar comprimido curto e direcionado. Como essa máquina é concebida para a aplicação no setor de granulometrias finas de 4 a 100 mm, a extração é realizada por meio de um impulso de ar comprimido através de uma barra de válvulas direcionadas para baixo. Para o uso em materiais finos, o sistema apresenta um conjunto com o dobro de válvulas e uma resolução correspondentemente mais alta.

A nossa unidade de varredura se caracteriza por sua robustez e, como sistema fechado, possui um circuito de resfriamento interno. Em virtude da longa vida útil da fonte de raios X utilizada, você se beneficia dos custos de manutenção comparativamente baixos deste sistema de classificação.

  • XTS = Sistema de transmissão de raios X
  • Setor de granulometrias finas de 4 a 100 mm
  • Detecção máxima de diamantes com processo simples na classificação
  • Largura de trabalho: 1 m

CONTATO



SERVIÇOS

CATÁLOGOS